Cartas à Igreja

Cartas à Igreja

00:00 / 00:00

Sinopse

Está disposto a repensar a igreja como a conhece hoje?
Em sua obra mais recente, Francis Chan, autor de Louco amor, desafia o leitor a avaliar a organização atual e a relevância (ou irrelevância) da igreja para o mundo em que vivemos. E, mais importante, quão próxima ou distante ela está do que as Escrituras apontam como o seu propósito, que é sinalizar o reino de Deus.
Francis Chan conta sua experiência como plantador de igrejas e o que aprendeu com os erros e com os acertos, numa avaliação honesta e não menos crítica dos descaminhos trilhados por comunidades cristãs ao redor do planeta.
Engana-se, no entanto, quem espera um mero desabafo. Francis Chan apresenta instruções valiosas para igrejas que não só querem compreender seu papel bíblico mas também anseiam por inspirar vitalidade, compromisso e significado.
Cartas à igreja é, portanto, um chamado para fazer diferença.
Por décadas, líderes eclesiásticos como eu perdemos de vista o poderoso mistério inerente à igreja e, então, corremos em busca de outros métodos na tentativa de atrair a atenção das pessoas. Sendo bem sincero, incitamos você a se viciar nessas coisas menores. Banalizamos o sagrado, e devemos nos arrepender disso.
Francis Chan

Autor

Francis Chan
Francis Chan
É autor de diversas obras, como "Louco Amor", "O Deus Esquecido", "Apagando o Inferno", "Você e eu para Sempre" e "Multiplique", publicadas pela Mundo Cristão. Fundador da Cornerstone Community Church, na Califórnia, Chan dedica-se hoje a um movimento de plantação de igrejas. Sua paixão em comunicar o amor de Deus tem alcançado especialmente os jovens. É casado com Lisa e pai de sete filhos.

Narrador

Flávio Costa

Flávio Costa

Ator desde 1984, já atuou em mais quarenta espetáculos teatrais, entre adultos e infantis; em cinema atuou em dois longas e mais de quinze curtas metragens; em publicidade atuou em doze filmes comerciais e um filme institucional. Também faz shows de humor solo, com vários personagens de sua própria criação desde 1995. Narra audiolivros para a Tocalivros.
E além da atuação, também escreve peças teatrais, tendo mais de trinta títulos de sua autoria. Lecionou interpretação para atores e não atores com alguma experiência de palco por um período de oito anos consecutivos.